Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2016

138-Uma grande visita

Éramos amigos de infância, passamos juntos toda essa fase de criança e quando adolescentes a vida acabou nos separando e não nos vimos mais, ela chegou a morar no mesmo prédio que eu e minha mâe a tratava como uma filha, era da casa, dormia aqui em casa quando seus pais precisavam sair à noite e assim fomos criados.
   Certo dia tocaram a campainha e ao atender me surpreendi com uma linda mulher, devido aos óculos escuros que usava acabei não reconhecendo mas era ela, minha amiga de infância.
   Abri a porta ela entrou me abraçou e eu ali só de cuecas, acabei me esquecendo esse detalhe e puxei para um abraço mais apertado, eu realmente me emocionei, mas ao vê-la pelo espelho não pude evitar uma ereção, ela ali na entrada do apartamento com uma bermuda de lycra enfiada na bunda(e que bunda) com uma minúscula calcinha e de costas para o espelho, fui à loucura.
   Ela então sentou-se no sofá e começamos a conversar e a conversa foi longa e nem vimos a hora passar, perguntei se ela nã…

Uma Vizinha e Tanto-137

Há anos eu moro em um prédio e por conhecer todos os vizinhos , alguns deles deixam as chaves aqui para o caso de perderem terem a chave reserva.
   Pois certo dia estava na janela e ví uma loira escultural entrar no prédio, e como não sabia quem era resolvi investigar e descobri que estava no apartamento em frente ao meu, justamente um dos apartamentos que eu tinha as chaves
   Devo dizer que minha vida andava um tanto quanto parada e eu precisava alguma aventura para sair do marasmo.
   Descobri pela faxineira do prédio que aquela bela mulher ficaria no apartamento durante um mês e arquitetei um plano de entrar e tentar algo com ela como se fosse por acaso.
   Em uma manhã, peguei minhas ferramentas e entrei no apartamento e começei a consertar o piso que estava descolando e eu já tinha visto quando o proprietário visitou o apartamento ainda no ano passado, antes de começar fui dar uma espiada no quarto e ví essa cena da foto, a loira estava divina numa calcinha amarela, com o …

A Bela Cadeirante e suas Irmãs...136

E lá estavam elas de novo, no mesmo horário, no mesmo lugar e me olhavam e davam risinhos, cochichavam alguma coisa, fingiam fazer fotos sempre comigo no fundo, até que eu as surpreendi ampliando a foto e me buscando. Brinquei com elas dizendo que se quisessem tirar fotos comigo era só pedir e elas parece que se envergonharam, mas fizeram as fotos e acabamos ficando amigos.
   Todas as vezes que nos encontrávamos era a mesma coisa elas ficavam de longe cochicahndo e rindo para mim, a diferença é que agora me conheciam, sabiam que eu era solteiro e estava dispovível. E foi então que tudo aconteceu...
   Vale descrevê-las. A mais nova tinha um belo corpo devia ter uns 40 e poucos anos e tinha fogo no olhar, a do meio era cadeirante e essa me olhava de um jeito diferente, como que encantada, tinha tambem um belo corpo, seios grandes do jeito que gosto e uma cara de safada. A mais velha mostrava que tinha sido uma bela mulher, ainda trazia muita beleza tanto de rosto como de co…