Rota RGB 05

Rota RGB 05
Siga a Rota RGB 05

segunda-feira, 16 de maio de 2016

A "Boa" Vizinhança da Praia-133


    Há alguns anos começei a frequentar as casas que meu pai me deixou de herança. Na realidade nem o conhecí mas me deixou alguns omóveis que mudaram bastante a minha vida.
   Só para dar um exemplo, ganhei duas casas numa praia bastante badalada em Santa Catarina e começei a aproveitar o verão de um jeito que eu nunca tinha imaginado.
   Ajeitei uma das casas para mim e coloquei câmeras de segurança em lugares estratégicos da casa, eu gostava de me sentir seguro e era uma maneira mais fácil de vigiar os empregados que mesmo sendo de confiança, ficavam muito tempo sozinhos nas casas e isso me preocupava um pouco e eu adquiri o hábito de acompanhar o dia a dia das pessoas e de tentar entender um pouco do lado psicológico delas.
   Como as duas casas eram iguais resolvi alugar uma enquanto estava na outra e depois troquei, mas a instalação das câmeras eu fiz nas duas e tinha  uma central em cada uma delas. No primeiro ano consegui um bom dinheiro , pena que era no máximo até abril, já que nos meses seguintes esfriava muito e não ia ninguem para lá.
   Num mês de janeiro recebi dois casais que vieram junto com mais uma moça solteira, os dois casais tinham um filho quase da mesma idade e a moça tinha duas filhas e era separada, notei que as três mulheres eram muito gostosas e bastante parecidas, embora uma delas chamasse mais a atenção pelo seu corpo escultural e as meninas além de bonitas tambem tinham belos corpos.
   As três mulheres eram irmãs e poucas vezes ví mulheres tão belas numa mesma familia e aquilo aguçou minha curiosidade.
   Como eu tinha as câmeras, não resisti e começei a acompanhar o dia a dia daquelas verdadeiras deusas.
   Nos encontrávamos todas as manhãs quando eu aproveitava para dar uma corrida na beira da praia e ficava fascinado cada vez que via aquelas mulheres de biquini, eram verdadeiras esculturas, e os trajes bem pequenos. As meninas tambem usavam biquinis pequenos que deixavam aquelas bundinhas espostas para minha alegria.
   Descobri então que as três irmãs eram muito safadas e gostavam de se insinuar para os homens num bar que fica na praia vizinha, era o que eu precisava para perder a vergonha de vigiá-las.
   Certo dia, ao ficar na frente dos monitores de segurança notei que um dos meninos estava sozinho com a prima mais velha e isso certamente daria em alguma coisa e eu estava certo, os dois se atracaram num beijo, no inicio bastante timido e aos poucos a coisa esquentou, ainda mais que os dois ainda estavam com seus trajes de banho, a menina sentou no colo do menino e ele colocou as duas mãos naquela bundinha deliciosa , chegou a dar inveja daquela cena, o rapaz então tirou a aprte de cima do biquini e começou a chupar aqueles seios que eram bem grandes, depois ela se ajoelhou e caiu de boca na pica do rapaz e chupou muito, ele então resolveu colocá-la de quatro e começou a meter bem devagar naquela potranca, acabei saindo e nem ví como aquilo tudo terminou mas começei a ficar mais atento.
   Dois dias depois ví que os dois primos "pegaram" a mesma prima e fizeram um sanduiche com a gostosinha e ela delirava, os dias foram passando até que veio a grande surpresa. Numa tarde estavam na casa os dois primos sortudos e uma das irmãs, ela só de biquini vermelho com aquele bundão todo de fora, ela levou alguns parentes até a porta e ao voltar sentou no meio dos dois meninos e começou a conversar, parecia uma bronca mas ela pegou no pau do mais novo e começou a acariciar, em pouco tempo já estava chupando, depois ficou de quatro ainda chupando quando o outro primo e filho da loira se posicionou atrás dela e sem pedir começou a meter naquela bunda maravilhosa, o primo mais novo saiu de repente e ficaram a sós mãe e filho se divertindo como velhos amantes, foi aí que entrou a irmã do meio, a tal que falei que era escultural, ela estava com um shortinho de lycra e ao entrar na sala já foi entrando na brincadeira e o sobrinho comeu aquela gostosa tambem, eu fiquei maravilhado com a cena e arrumei um jeito de me aproximar e em pouco tempo virei amigo delas e depois consegui comer uma por uma e até teve um dia que peguei as três irmãs no mesmo dia, mas isso é outra história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário